Hocus Pocus DNA, Botafogo: meu bar preferido

A marca carioca de cerveja Hocus Pocus tem a sua própria cervejaria física, a Hocus Pocus DNA, que virou um point do bairro. Ao chegar, já se vê um burburinho na porta. Gente em pé, conversando, bem típico dos bares cariocas.  O ambiente é intimista, mas ao mesmo tempo descontraído. Ou seja, serve tanto para ir em casal quanto para ir com um grupo de amigos.

hocus-pocus-fachada-foto-rodrigo-azevedo
Foto: Rodrigo Azevedo/Divulgação

Para beber

São 14 torneiras de chopp artesanal, sendo 6 da marca própria Hocus Pocus, e todos na faixa de 13 reais. Fui com um amigo e experimentamos 6 diferentes, e o meu preferido foi (e continua sendo) o Magic Trap. Só cuidado que ele é um pouco traiçoeiro: muito leve pra beber, mas o teor alcoólico é 8,5%! Se tiver em dúvida, não deixe de pedir a ajuda dos atendentes para escolher. Eles são super simpáticos e manjam muito do assunto.

hocus-pocus-torneiras-de-chopp-creditos-maria-cevada
Foto: www.mariacevada.com.br

Para comer

O cardápio do Hocus Pocus DNA é super original, muito além do bom e velho hambúrguer. Eu comi o sanduíche de croquete de língua (R$24 – foto abaixo). Sim, de língua! Eu também fiquei com preconceito e morrendo de medo de não gostar, mas resolvi experimentar. Gente, vocês não tem no-ção do quanto é gostoso. Sério, o croquete desmancha na boca.  Quero voltar lá pra comer de novo e experimentar também os bolinhos de linguiça artesanal.

Update: voltei lá em Janeiro/2017 e experimentei os tais bolinhos. Fiquei um pouco decepcionada… Eram gostosos, mas nada de especial. Parecia bolinho de queijo e presunto de festa de criança, sabe? Preferia ter pedido o sanduíche de croquete de novo! 😀

sanduiche-de-croquete-hocus-pocus-foto-divulgacao
Foto: Divulgação

As sobremesas não ficam pra trás. Experimentamos o bolo de pote de chocolate, que é maravilhoso. Fiquei com muita vontade de pedir o cookie, que vem em um pote de cerâmica quente com sorvete. Um casal do nosso lado pediu e só com o cheiro já engordei uns 5kg, hahaha.

Foto: Divulgação

Outra coisa muito importante: a trilha sonora. Com música boa na altura certa, no estilo dá pra ouvir, mas também dá pra conversar. Além disso, o atendimento é simpático e no final da noite já estávamos até dando pitaco na playlist, hahaha, que era escolhida ali mesmo em um computador no balcão. Com tudo isso, o Hocus Pocus DNA acabou virando meu bar preferido no Rio e está sempre no topo da minha lista de recomendações.

Hocus Pocus DNA: Facebook e Instagram 

EndereçoRua Dezenove de Fevereiro, 186, Botafogo.

Horário de funcionamento: consultar diretamente com eles.

Quer ver seu estabelecimento aqui também? Mande um e-mail para blogwheninrio@gmail.com

Blog especializado em conteúdo sobre o Rio de Janeiro, com dicas tanto para turistas quanto para moradores.
3 comments
  1. Que descrição linda! Obrigado Manuela! Ficamos felizes que tenha gostado daqui, e que sua coragem para provar o croquete de língua tenha compensado 🙂

    Bjs!

    1. Só vi hoje esse comentário! Tinha caído na caixa de Spam não sei porque 🙁

      Que bom que vocês gostaram do post. Também fico feliz! Muito sucesso pro Hocus Pocus DNA.

      Beijos,
      Manuela

  2. […] -> Veja também: Hocus Pocus abre seu bar próprio em Botafogo  […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *